.Mim mesmo...
.Encontre neste blog
 
.Recentes

. ...

. Os mais bem pagos das sér...

. Livros e leitura

. Crazy photo

. Love, love, love...

. Casa do Futuro!

. Jogos Olímpicos 2016

. Assassinato de Obama

. Passageiro frequente

. Tradição

."Others"

Von Frankfurt am Main

Abat-jour

Pitau Raia

Fala Barato

O Ressio

Ana às voltas

Vendo a minha mãe

Conhece-te a ti mesmo

31 da Armada

Galeria. J.P

YouTube Canal

Olhares.com

English Russia

Sapo Blogs

Portal dos Sites

.Arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

blogs SAPO
.Fazer olhinhos
RSS
Quarta-feira, 22 de Outubro de 2008
Obeso!? Eu?

As camisolas às riscas, fazem-me “desigual”, o espelho lá de casa “engrandece” as pessoas um pouco…

 

…são estas calças que são largas.

 

Na generalidade as pessoas têm sempre uma escusa na ponta da língua para o facto de não reconhecerem que são obesas.

 

O facto, eu falo por mim, é que caímos numa rotina de rotinas que não amnistia o nosso corpinho.

 

Há uns 3 anos quando vim para LX, pesava uns 76 Kg, tenho 1,75 de altura, até estava no peso de sonho.

 

Fazia desporto, tinha uma alimentação mais ou menos saudável, fazia tudo o que era preciso para manter essa relação peso/altura.

 

Alguns tempos de rotinas alimentares abusivas e vida diária sempre a 1500rpm/s e farto de ouvir dizer:

-Jovem, estás quase nos 30, como é que tens uma barriga já assim, nem pareces o mesmo…

-Epá, se continuas assim, quando fores avô nem podes olhar para baixo. (Seja lá o que for “olhar para baixo”, isso assustou-me bastante)

 

 Há 6 meses decidi pesar-me e… 98KG…impressionante…21kg a mais, até me apetece chorar…

 

Decidi inscrever-me no ginásio, comecei a fazer uma alimentação mais controlada e hoje peso abaixo dos 81kg, ainda não cheguei ao objectivo mas fi-lo sem dietas malucas e sem grande exagero.

 

Bastou cortar em certos hábitos que tinha e em alguns alimentos que ingeria já não fazem parte da mesa, tudo está a voltar ao normal.

 

Estou orgulhoso.

 

Agora não me venham com desculpas… Um pouco de força de vontade e de bem viver, conseguimos tudo.

 

Por exemplo, tenho hoje vestido umas calças que já estavam de lado, nem sequer davam a volta á barriga… e agora estão largas…

 

Tudo isto sem sacrifícios, mas sim vontade de viver bem…

 

Obrigado Ana e pais por também entrarem nesta “companhia” de ânimo, porque sozinho também não o conseguia.  

Badalado por p3marinho às 14:25
URL | Comentar | Escolhe-me a mim!